Acupuntura

A Organização Mundial da Saúde lista mais de 40 doenças para as quais a acupuntura é indicada. Para os chineses tradicionais existem cerca de 300 doenças tratáveis por acupuntura, entre elas, sinusite, rinite, resfriado, faringite, amigdalite aguda, zumbido, dor no peito, palpitações, enfizema, bronquite crônica, asma brônquica, alterações menstruais, cólica menstrual, lombalgia durante a gravidez, ansiedade, depressão, insônia, mal-estar provocado pela quimioterapia, dores associadas com câncer, tendinites, fibromialgia, dores pós-cirúrgicas, síndrome complexa de dor regional, dermatites, gastrite, úlcera gástrica, úlcera duodenal, colites, diarréia, constipação, cefaléias, enxaqueca, paralisia facial, seqüelas de acidente vascular cerebral, lombalgia, ciatalgia, artrose, artrite, entre tantas outras.

O que é Acupuntura?

A Acupuntura é uma modalidade terapêutica milenar que utiliza agulhas, moxas e outros instrumentos para liberar substâncias químicas no organismo com efeito analgésico e/ou antiinflamatório e assim, aliviar dor e outros sintomas decorrentes de determinadas doenças. Indicações da Acupuntura.

Benefícios & Vantagens

Rapidez dos resultados (com o paciente saindo de uma consulta sem dor ou com ela diminuída), ausência de efeitos colaterais se comparado a medicamentos, a diminuição do uso de medicamentos tanto para casos agudos quanto para os de uso contínuo, e também em sua segurança.

Danae Bizan

Acupunturista


Pós Graduada no Curso de Acupuntura e Medicina Chinesa pela EBRAMEC - Escola Brasileira de Medicina Chinesa
Graduada no Curso de Ciências Biológicas pela UMSP - Universidade Metodista de São Paulo
Acupuntura estética, graduada no Instituto de Medicina Chinesa Shen Tao

Quais são os outros efeitos possíveis da Acupuntura?

Além de sua importante ação analgésica e anti-inflamatória, a Acupuntura tem efeitos: